Gato com pelo caindo: 5 dicas de como cuidar do pelo do seu gato - docg.

Gato com pelo caindo: 5 dicas de como cuidar do pelo do seu gato

O bichano, como qualquer animal de estimação, requer uma série de cuidados com a saúde. Gato com pelo caindo é um fator que merece bastante atenção, pois apesar de ser comum — principalmente em alguns períodos —, a situação precisa ser avaliada. Isso, além de contribuir para a estética do pet, é essencial para mantê-lo sadio.

Um dos cuidados que mantêm os pelos dos felinos saudáveis é a boa alimentação e a escovação diária, visto que além de retirar os pelos mortos, evita que o pet se lamba e engula muito pelo — fator esse que pode desencadear problemas de saúde.

Neste post vamos orientar você sobre os cuidados na escovação — que materiais utilizar — e informar sobre os períodos do ano em que essa tarefa deve se tornar mais frequente. Acompanhe!

1. Saiba a importância de escovar o pelo do gato

Tenha seu gato o pelo curto, médio ou longo, a escovação frequente é uma tarefa de extrema importância. Ela vai evitar que seu pet engula pelos e que isso se transforme em uma bola no estômago — sendo necessária, em alguns casos, a ida ao veterinário para uma avaliação.

Quem tem gatos sabe o tempo que eles se dedicam a auto-higienização: lambem-se por muito tempo, várias vezes ao dia. De vez em quando eles acabam vomitando, devido a esse acúmulo de pelo que eles ingerem na sua limpeza diária.

No entanto, alguns não expelem esses pelos — e é aí que mora o perigo, pois correm o risco da formação de bolas de pelo que impedirão o funcionamento normal do intestino. Por isso, escová-los diminuirá muito a ingestão de pelos.

Outro benefício de escovar seu gato é a possibilidade de “investigar” se o seu pet está com a pele saudável, sem irritações, inchaços, carrapatos ou pulgas. Além disso, mantém a pelagem do gato mais brilhante e sedosa.

2. Prepare o felino para a escovação

Dependendo do gato, não é uma tarefa complicada. Existem aqueles mais ariscos, e você terá que ter um “jogo de cintura” para escová-lo. Há, contudo, os que amam ser escovados — para esses, a escovação é como se fosse um carinho. Portanto, se o seu gato gostar, será bem mais fácil escová-lo e retirar os pelos mortos, bem como poeira, ácaros e outras sujidades.

Para começar a tarefa, tenha em mãos tudo que você precisará para escovar seu felino.

3. Saiba como escolher a escova para gato com pelo caindo

Existem inúmeras variedades de escovas e pentes para gatos. O tamanho do pelo de um felino pode variar muito, por isso o ideal é escolher a escova mais adequada para o comprimento de fio do seu pet.

Existem aquelas com cerdas mais longas e as com cerdas curtas para pelo curto. O pente de aço é importante para os felinos com pelos longos, já que auxiliam na retirada dos nós. O ideal é sempre buscar orientações na hora de comprar esses acessórios.

4. Conheça a frequência ideal de escovação

Cada tipo de pelagem vai exigir um tipo de escovação, bem como sua periodicidade. Os gatos de pelo longo precisam de pelo menos 15 minutos de escovação, no mínimo 3 vezes por semana. Já os gatos de pelo médio, 2 vezes por semana, e os de pelo curto apenas uma vez semanalmente.

5. Saiba como escovar o seu gato

Pegue seu gatinho, faça carinho e comece a escová-lo com suavidade, partindo da cabeça em direção à cauda. Vá escovado vagarosamente, sempre no sentido do pelo, tomando cuidado para não machucá-lo.

Para os gatos com pelos longos, utilize no final da escovação os pentes de aço, ideais para retirar as bolas de pelo que se formam. Faça com cuidado para não provocar dor.

Como você pôde ver neste artigo, gato com pelo caindo é normal, sendo uma forma de renovação da pelagem. No entanto, no verão essa queda se torna maior, exigindo que a escovação seja mais frequente.

Gostou de saber um pouco mais sobre o assunto? Então aproveite para assinar a nossa newsletter e receber outros conteúdos como este diretamente na sua caixa de e-mails!

Fique por dentro das novidades