10 Dicas especiais de como fazer seu pet mais feliz - docg.
10 Dicas especiais de como fazer seu pet mais feliz

10 Dicas especiais de como fazer seu pet mais feliz

Se você tem ou quer ter um animal de estimação, precisa oferecer o melhor para ele. Trata-se de uma responsabilidade muito grande, e você pode encontrar meios de fazer o seu pet mais feliz.
A seguir, você vai encontrar algumas dicas para deixar o seu pet mais feliz ao seu lado, ao mesmo tempo em que vai mantê-lo muito mais tranquilo:

1 – Dedique tempo para passear com seu pet

Um animal de estimação vai exigir tempo de sua parte. Portanto, se você não gosta de caminhar, ou não tem tempo para isso, procure uma pessoa que possa passear com seu pet por você. Mas um pouco de tempo que o leve para cheirar a grama e sentir a calçada de fora já vai o deixar bem feliz e empolgado.

2 – Eduque seu pet

Desde pequeno é preciso treinar seu bichinho de estimação. Se você quer deixar seu pet mais feliz, imponha determinados limites, que devem ser reforçados ao longo do tempo para que ele possa respeitar o espaço. Talvez possa o recompensar quando executar algo que ensinou, com um bifinho ou biscoito, assim ele irá entender que aquilo é algo certo e bom.
Comece ensinando comandos desde cedo. O filhote pode começar a ter treinamento a partir de 2 meses de vida. Se você adotou um animal já adulto, que não recebeu treinamento, procure uma pessoa especializada, mantendo os limites para que ele seja mais tranquilo.

3 – Visitas ao veterinário

Pelo menos a cada 6 meses, leve seu cão ao veterinário. Mesmo que ele esteja exibindo muita saúde, é importante fazer alguns exames periódicos, como acontece com os seres humanos, afinal cada fase da vida dele vai exigir algumas vacinas ou medicamentos preventivos.

4 – Mantenha as regras dentro de casa

Mesmo que seu pet tenha sido treinado por um profissional especializado, é importante que você sempre reforce as regras dentro de casa. Os ensinamentos devem ser reforçados durante toda a vida do seu cãozinho e todos os que têm relacionamento com ele devem manter a mesma postura.
Quando uma pessoa de sua família permite que ele quebre regras, enquanto outra corrige seu comportamento, ele não vai saber exatamente o que fazer. No momento em que todos tomam a mesma atitude, ele vai entender como deve se comportar.

5 – Coloque limites nas recompensas

Você sabe que guloseimas vão deixar seu pet mais feliz, mas é preciso colocar um limite, principalmente para não criar problemas de saúde (a não ser em caso de produtos especiais, que proporcionam melhor qualidade de vida). Mantenha sempre uma dieta equilibrada, seguindo as recomendações do veterinário, de acordo com a idade e o tamanho do seu pet e, ao mesmo tempo, evite muitas guloseimas.
Recompensas têm hora certa. Ele precisa entender que não vai ter biscoitos a todo momento.

6 – Deixe seu pet mais socializado

Cada cão tem uma personalidade diferente e, por isso, precisam aprender a ser sociais. Desde pequeno procure fazer com que ele tenha relacionamento tanto com pessoas quanto com outros animais, evitando que se torne mais agressivo ou mais tímido. Se não cuidar desde pequeno, você terá um pet com comportamento difícil na idade adulta.

7 – Mantenha atividades para o seu pet

O bem-estar físico e comportamental do seu pet pode ser conseguido com uma dedicação de tempo para brincadeiras e com exercícios. Caso ele não tenha diversão proporcionada por brincadeira e atividades, você poderá ter em sua casa um bichinho depressivo ou entediado, que tornará também sua saúde mais frágil.

8 – Arrume brinquedos e jogos para ter seu pet mais feliz

Como qualquer ser vivo, o cãozinho precisa ser estimulado para ser mais esperto. Brinquedos, jogos, obstáculos são formas de mantê-lo ativo, reduzindo o comportamento destrutivo, principalmente quando o cãozinho é mais jovem. Lembre-se que seu cãozinho é como qualquer pessoa: precisa de estimulantes para ter mais tranquilidade.

9 – Não deixe seu cãozinho muito tempo só

Como acontece com as pessoas, os animais também não gostam de ficar sozinho. Se o seu pet fica muito tempo sem ninguém procure uma companhia para ele, mesmo que seja um cuidador de cães.
Sempre que possível, leve-o a um centro de treinamento ou a uma creche de animais, para que ele tenha o tempo e a atenção que você não consegue oferecer. Porém, não se esqueça de que o seu pet vê em você uma família e que sua felicidade está no relacionamento que você mantém com ele.

10 – Tenha Paciência

Mesmo que você esteja com raiva ou com estresse, o último que pode sentir as consequências é seu animal de estimação. Nesse relacionamento, quem tem consciência das coisas é você. Seu pet sempre vai agir por instinto, mesmo que tenha amor e carinho.
Com ele, você precisa ter dedicação, atenção e carinho. Para deixar seu pet mais feliz é preciso demonstrar a ele que o ama e que ele faz parte de sua vida e assim ele aprenderá o que é certo e errado, tendo muita paciência e disciplina.

Fique por dentro das novidades